4.1.14

Luzes fora das gavetas

As épocas transformam as atitudes. São períodos de tempo que me desconcertam. As épocas têm poder e isso irrita-me. Como se o tempo, dentro da consciência, fizesse saltar o que estava quieto, desorganizar o que estava arrumado. Gosto de arrumações, não gosto de épocas que põem tudo fora do lugar. As luzes saem das gavetas, os bolos ingerem-nos e os papéis devoram-nos. As épocas tiram-me a rotina e isso desalinha-me o corpo. Fico doente dos olhos e os braços caem perdidos, sem ter onde pousar. Fico turva de sentimentos e as pernas prendem passos que se querem compridos. As épocas transformam as atitudes e isso põe-me doida de espanto e espera. Vou aprender a viver épocas, antes que elas me levem aos abismos profundos da pouca lucidez.

Jackson Pollock

Sem comentários:

Publicar um comentário