4.6.08

SEIS PEQUENOS ÓDIOS

Respondo ao desafio que me foi feito aqui.
Pedem-me para confessar seis pequenos ódios. Não sou pessoa dedicada a sentimentos pretos, de qualquer forma, há coisas que me causam brotoeja tal que não me coíbo de as mencionar:

1 - Barulho de motas em aceleração.
2 - Mentira.
3 - Superficialidade.
4 - Beijos com saliva em excesso.
5 - Gente que não usa desodorizante.
6 - Falta de sentido de humor.

(Nota: Tenho que acrescentar a inveja. A invejazinha fedorenta que tanto corrói o invejoso.)

Deixo o desafio à Teresa C., Marta, Manuel, Leonor, Tatiana e Alba.

5 comentários:

Unknown disse...

A brotoeja e os beijos com saliva em excesso...mas que coisas mais engraçadas e difíceis de medir. Sim, até onde é aceitável a dose da comichão da brotoeja - acho que dá comichão, não é, Dobra? - e como podemos aquilatar, saber, objectivamente, a quantidade da saliva, sim, se o beijo nos tira a consciência, a lucidez e a raciionalidade?...E ainda bem que tira. Pelo menos o beijo santido. A valer.

Anónimo disse...

O problema é que o beijo com saliva em excesso não me tira a lucidez nem a racionalidade, nem a consciência :) Quanto à dificuldade em "medir" semelhante fluído, meu caro, dependerá sempre do sentir. Simples!

Manuel S. Fonseca disse...

Dobra,
talvez por ter andado em período de grande turbulência produtiva, escapou-me o desafio. Ainda vou a tempo?

Anónimo disse...

Claro que vai a tempo. Obrigada.

Manuel S. Fonseca disse...

Está feito, na Geração de 60, claro. Obrigado pelo desafio.

Publicar um comentário